Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Mais de 60 artesãos comemoraram os 20 anos da Casa do Artesão de Caxias do Sul

Publicação:

Divulgação
Divulgação

A Casa do Artesão de Caxias do Sul completou 20 anos, na última segunda-feira, 10 de junho. Mais de 60 artesãos participaram da programação que envolveu um coquetel, além de um desfile de trabalhos artesanais e teatro de bonecos, no auditório da Casa do Artesão.

O evento contou com a presença do diretor-técnico da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), Darci Cunha, e da coordenadora do Programa Gaúcho do Artesanato (PGA), Marlene Garcia.

A técnica de artesanato, Rosane Devens, destaca que a “Casa é motivo de orgulho para o município e a sua grande vitória é oferecer produtos com qualidade, técnica e acabamento”.

A Casa é uma iniciativa do Programa Gaúcho do Artesanato (PGA) e envolve um espaço de exposição e comercialização que serve como ponto de apoio e incentivo aos novos artesãos. Atualmente, reúne o trabalho de cerca de 70 artesãos, que expõem e comercializam produtos de crochê, palha de trigo, madeira, pintura, biscuit e lã. Ano passado, as peças contabilizaram mais de R$ 100.000 em vendas. Além de Caxias do Sul, a Casa também atende artesãos de outros 60 municípios da região.

Ao todo, Caxias do Sul conta com 2.769 artesãos cadastrados no PGA. Desse total, 72,2% são mulheres; 25,5% têm entre 51 e 60 anos; 21,5%, 61 e 70 anos; e 18,6%, 41 e 50 anos. Em 2018, foram comercializadas 22.984 peças artesanais e emitidas notas fiscais no valor de R$ 500.714,32. Este ano, já foi contabilizada a venda de 4.974 peças e emitidas notas fiscais no valor de R$ 73.089,79.

Desenvolvido pela Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), o PGA incentiva a profissionalização e fomenta a atividade artesanal com políticas de formação, qualificação e apoio a comercialização. É responsável pela emissão da Carteira de Artesão, que viabiliza a isenção de ICMS para a circulação de produtos, a emissão de notas fiscais e a exportação de produtos como pessoa física, além da participação de exposições e feiras para comercialização dos produtos.

Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social